quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Especial dia das crianças: 10 filmes infantis que vale a pena conferir


          Olá, pessoal! Hoje é dia das crianças eeee \õ/

      Ok, sabemos que já passamos da idade de comemorar essa data, mas uma coisa devemos concordar: Todos nós possuímos uma criança interior, não importa quantos anos passem, ainda temos essa magia dentro de nossos corações e o segredo é não deixar isso morrer nunca! Assim você levará uma vida mais feliz, leve e divertida, afinal, gente séria é um saco u.u
      Então, para esse dia especial, eu (Aline) e a Mariana selecionamos 10 filmes favoritos que marcaram nossa infância e que até hoje nós amamos <3 

                                                             5 indicações feitas pela Mariana:


            A Bela e a Fera (1991)

         Em uma pequena aldeia da França vive Belle, uma jovem inteligente que é considerada estranha pelo moradores da localidade, e seu pai, Maurice, um inventor que é visto como um louco. Ela é cortejada por Gaston, que quer casar com ela. Mas apesar de todas as jovens do lugarejo o acharem um homem bonito, Belle não o suporta, pois vê nele uma pessoa primitiva e convencida. Quando o pai de Belle vai para uma feira demonstrar sua nova invenção, ele acaba se perdendo na floresta e é atacado por lobos. Desesperado, Maurice procura abrigo em um castelo, mas acaba se tornando prisioneiro da Fera, o senhor do castelo, que na verdade é um príncipe que foi amaldiçoado por uma feiticeira quando negou abrigo a ela. Quando Belle sente que algo aconteceu ao seu pai vai à sua procura. Ela chega ao castelo e lá faz um acordo com a Fera: se seu pai fosse libertado ela ficaria no castelo para sempre. A Fera concorda e todos os "moradores" do castelo, que lá vivem e também foram transformados em objetos falantes, sentem que esta pode ser a chance do feitiço ser quebrado. Mas isto só acontecerá se a Fera amar alguém e esta pessoa retribuir o seu amor, sendo que isto tem de ser rápido, pois quando a última pétala de uma rosa encantada cair o feitiço não poderá ser mais desfeito.


            A Princesinha (1995)

            1914, Simla, Índia. Sara Crewe (Lisel Matthews) é uma garota inglesa que vivia feliz, apesar de ser órfã de mãe. Quando eclodiu a 1ª Guerra Mundial seu pai, o capitão Crewe (Liam Cunningham), que pertencia ao exército inglês, tem que ir para a guerra. Porém antes vai a Nova York para deixar Sara num luxuoso internato para moças, no qual a mãe dela já estudara e que é administrado agora com mão de ferro pela Srta. Minchin (Eleanor Bron). A Srta. Minchin fica incomodada com a criatividade de Sara, que logo cativa a maioria das garotas. Um dia o Sr. Barrow (Vincent Schiavelli), o advogado do pai de Sara, chega no colégio para dizer que não haveriam mais pagamentos, pois o pai de Sara tinha morrido em combate. Minchin então faz Sara trabalhar como uma criada, para pagar sua estada ali.


              Jumanji (1996)

          Em 1869, dois garotos apavorados enterram um baú e, cem anos depois, o filho de um empresário descobre que dentro dele há um jogo chamado Jumanji. Quando começa a jogar com uma amiga, ele logo é penalizado a ficar na floresta até que alguém tire cinco ou oito. Como na jogada seguinte ela é atacada por morcegos, em virtude de seu posicionamento no tabuleiro, o jogo é interrompido e ele imediatamente fica preso dentro de Jumanji. Mas, vinte e seis anos depois, duas crianças começam a jogar e uma acaba libertando-o. Porém, a única forma de deixar tudo como antes é terminar a partida, mas para isto é preciso achar a participante da partida de 1969. Juntos eles enfrentam perigos, que surgem a cada jogada, e enquanto o jogo se desenrola a cidade se transforma em um caos, pois animais selvagens, plantas assassinas e até um caçador de pessoas saem do tabuleiro e vão permanecer enquanto o jogo não findar.

           Matilda (1996)

            Matilda Wormwood (Mara Wilson) é uma criança brilhante de apenas seis anos, que cresceu em meio a pais grosseiros e ignorantes. Seu pai Harry (Danny DeVito) trabalha como vendedor de carros, enquanto que sua mãe Zinnia (Rhea Perlman) é dona de casa. Ambos ignoram a filha, a ponto de esquecerem de matriculá-la na escola. Desta forma Matilda fica sempre em casa ou na livraria, onde costuma estimular sua imaginação. Após uma série de estranhos eventos ocorridos em casa, quando Matilda descobre que possui poderes mágicos, Harry resolve enviá-la à escola. O local é controlado com mão de ferro pela diretora Agatha Trunchbull (Pam Ferris), o que faz com que Matilda apenas se sinta bem ao lado da professora Honey (Embeth Davidtz), que tenta ajudá-la o máximo possível.

            Gasparzinho e Wendy (1998)

            Gasparzinho, o fantasminha camarada, torna-se amigo de Wendy (Hilary Duff), uma jovem bruxa boa que vive com suas loucas tias Gert (Cathy Moriarty), Gabby (Shelley Duvall) e Fanny (Teri Garr). Escondidas no Sunny Brite Resort, elas unirão forças com Gasparzinho e o Trio Assombro para derrotar o perigoso mago Desmond (George Hamilton).



                                                        5 indicações feitas pela Aline:
         
         Pensa em um escolha difícil, sério! Vários filmes me marcaram, principalmente os típicos de sessão da tarde. Saudades quando eu era criança e estava de férias da escola, ficava assistindo desenho o dia inteiro, comendo trakinas com nescau (sim, nescau! Toddy não haha') e as sextas quando ia com a minha mãe na locadora para alugar uns VHS (tô me sentindo idosa agora, socorro!) para só devolver na segunda (sem esquecer de rebobinar, senão pagava multa de 1,50). Enfim, bons tempos que não voltam mais, porém, sempre vão permanecer em nossas lembranças *-*
         

         Meu primeiro amor (1991)

           Vada Sultenfuss (Anna Chlumsky), uma garota de 11 anos, é obcecada com a morte, pois sua mãe morreu e seu pai, Harry Sultenfuss (Dan Aykroyd), é um agente funerário que não lhe dá a devida atenção. Vada é apaixonada por Jake Bixler (Griffin Dunne), seu professor de inglês, e no verão faz parte de uma classe de poesia só para impressioná-lo. Paralelamente é muito amiga de Thomas J. Sennett (Macaulay Culkin), um garoto que é alérgico a tudo. Quando Harry contrata Shelly DeVoto (Jamie Lee Curtis), uma maquiadora para os funerais, e se apaixona por ela, Vada se sente ultrajada e quer fazer qualquer coisa que estiver em seu poder para separá-los.

         Rei Leão (1994)

           Mufasa, o Rei Leão, e a rainha Sarabi apresentam ao reino o herdeiro do trono. O recém-nascido recebe a bênção do sábio babuíno Rafiki, mas ao crescer é envolvido nas artimanhas de seu tio Scar, o invejoso e maquiavélico irmão de Mufasa, que planeja livrar-se do sobrinho e herdar o trono.

         Madeline (1998)

      Paris, anos 50. Uma instituição com 12 meninas é mantida por Lady Covington (Stéphane Audran) e administrada pela senhorita Clavell (Frances McDormand). Quando Lady Covington falece seu marido, Lorde Covington (Nigel Hawthorne), decide vender a mansão que abriga as meninas. Porém Madeline (Hatty Jones), uma garotinha de 9 anos que não tem ninguém no mundo mas é extremente capaz de arrumar confusões, provoca diversas situações para que a casa não seja vendida. Madeline é ajudada por Pepito (Kristian de la Osa), o filho do embaixador da Espanha, sendo que quando o menino é alvo de sequestradores a garota faz de tudo para salvá-lo.
Obs: Madeline também é desenho!

         A Viagem de Chihiro (2001)

          Chihiro é uma garota de 10 anos que acredita que todo o universo deve atender aos seus caprichos. Ao descobrir que vai se mudar, ela fica furiosa. Na viagem, Chihiro percebe que seu pai se perdeu no caminho para a nova cidade, indo parar defronte um túnel aparentemente sem fim, guardado por uma estranha estátua. Curiosos, os pais de Chihiro decidem entrar no túnel e Chihiro vai com eles. Chegam numa cidade sem nenhum habitante e os pais de Chihiro decidem comer a comida de uma das casas, enquanto a menina passeia. Ela encontra com Haku, garoto que lhe diz para ir embora o mais rápido possível e ao reencontrar seus pais, Chihiro fica surpresa ao ver que eles se transformaram em gigantescos porcos. É o início da jornada de Chihiro por um mundo fantasma, povoado por seres fantásticos, no qual humanos não são bem-vindos.
          Meu comentário: Se você adora "Alice no País das Maravilhas", irá gostar desse desenho! Tão louco quanto Alice kkkkk'

         Spirit, o corcel indomável (2002)

          No final do século XVII em pleno Oeste norte-americano vive Spirit, um cavalo que resiste a ser domado pelo homem. Ele se apaixona por uma égua local, chamada Chuva, e desenvolve uma grande amizade com um jovem índio Lakota chamado Pequeno Rio. Juntos eles acompanham a colonização do local onde vivem, percebendo as mudanças que a chegada da civilização fazem em seu dia-a-dia.

        
                                                    Bônus: Escolhido por nós duas:

         Abracadabra (1993)

         Winnie (Bette Midler), Sarah (Sarah Jessica Parker) e Mary (Kathy Najimy) são três bruxas do século XVII, que chegam ao século XX após seus espíritos serem evocados no Dia das Bruxas. Banidas há 300 anos devido à prática de feitiçaria, elas estão dispostas a tudo para garantir sua juventude e imortalidade. Porém precisarão enfrentar três crianças e um gato falante, que podem atrapalhar seus planos.


Espero que tenham gostado do post. Adoramos escrevê-lo, deu uma sessão nostalgia total!
E vocês, quais filmes marcaram sua infância?

4 comentários:

  1. Gente, como eu amava O Rei Leão! pra mim o melhor de todos. Sabia todas as falas kkkkk
    Beijos flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rei Leão marcou uma geração, eu era viciada! Assistia quase todo dia quando ei era criança kkkk'
      Beijos <3

      Excluir
  2. OMG essa lista me fez sentir saudades. Eu amo praticamente todos os filmes citados aqui. "Gasparzinho" amava forte, foi um crush hahahaha.
    Rei Leão, Meu primeiro amor e O corcel indomável me arrancavam lágrimas. Talvez arranquem até hoje.
    E Abracadabra, sempre que tenho oportunidade, assisto.
    Preciso dizer que amei o post??
    Beijos meninas.

    http://lua-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bia, fico feliz que tenha gostado do post <3
      Sem dúvidas,deu uma sensação de nostagia total, né?
      Sempre é bom relembrar coisas maravilhosas da infância! Bons tempos haha' E esses filmes sempre terão um espacinho garantido em nossos corações!
      Aaaaa o Gasparzinho com certeza foi o primeiro crush de muitas meninas na época kkkkkkk' <3

      Beijo, beijos :*

      Excluir